A PSIQUE E AS PSICOLOGIAS

CAFEÍNA ANTES DAS COMPRAS PODE DESENCADEAR GASTOS SUPÉRFLUOS

Pessoas tendem a consumir mais e pior após xícara de café, diz pesquisa

O café é uma das bebidas mais consumidas no Brasil e no resto do mundo. Popular por sua ação estimulante, a cafeína também pode ser encontrada em chás, refrigerantes e energéticos. Porém, pesquisadores dos sul da Flórida descobriram um revés desse hábito: a incitação ao consumo.

“A cafeína, como um poderoso estimulante, libera dopamina no cérebro, o que excita a mente e o corpo. Isso leva a um estado energético mais alto, que por sua vez aumenta a impulsividade e diminui o autocontrole”, explica, no estudo, um dos seus autores, o pesquisador Dipayan Biswas.

Biswas e seus colegas fizeram um experimento para comprovar a teoria. Eles instalaram uma máquina de café expresso nas entradas de três lojas. Duas delas, uma de varejo e outra de artigos para o lar, ficam na França: a terceira, na Espanha, é uma loja de departamento.

Cerca de 300 clientes receberam uma xícara de 100 mg de café de cortesia e os outros ganharam bebidas descafeinadas e água. Ao fim, compartilhavam os recibos das compras que tinham feito com os pesquisadores.

Os autores do estudo descobriram que os compradores que eram estimulados pela cafeína gastavam 50% a mais na hora das compras e escolhiam cerca de 30% mais itens do que aqueles que bebiam água ou bebidas descafeinadas. O estimulante também influenciou os tipos de item que eles compravam. Aqueles que tomaram café, por exemplo, compravam mais itens não essenciais, como velas perfumadas e fragrâncias do que os outros compradores que se mantinham firmes e objetivos nas escolhas.

Os pesquisadores ainda montaram um experimento em laboratório para checar se teriam resultados semelhantes em relação às compras online. Eles dividiram um grupo de 200 alunos de escolas de administração entre indivíduos que consumiram cafeína com cafeína e descafeinado e pediram que escolhessem quais itens comprariam de uma lista pré-selecionada de 66 opções.

O resultado foi semelhante. Aqueles que ingeriram cafeína escolheram mais itens por impulso, como massageadores. Enquanto os que não estavam sob efeito da substância escolheram menos itens e foram mais práticos nas suas compras.

 “Ou seja, consumidores que tentam controlar os gastos devem evitar bebidas com cafeína antes das compras’, recomendou Biswas.

Autor: Vocacionados

Sou evangélico, casado, presbítero, professor, palestrante, tenho 4 filhos sendo 02 homens (Rafael e Rodrigo) e 2 mulheres (Jéssica e Emanuelle), sou um profundo estudioso das escrituras e de tudo o que se relacione ao Criador.

Uma consideração sobre “A PSIQUE E AS PSICOLOGIAS”

Os comentários estão encerrados.

M.A

Interviews, reviews, marketing for writers and artists across the globe

Gaveta de notas

Guardando idéias, pensamentos e opiniões...

Isabela Lima Escreve.

Reflexões sobre psicoterapia e sobre a vida!

Roopkathaa

high on stories

Luna en mengua

Poesía, arte, literatura y música.

de tudo um pouco ❗❕❗😉👌

de tudo um pouco 😉👌

Painel do Grupo

Aqui um pouquinho de nossas realizações

Buds of Wisdom

Fall in Love with Grammar !

pretapoesia

Escreviver é isso: viver, escrever, viver novamente. Writing is just like this: live, write, live again.

danielecolleoni

Appunti, spunti e passioni in liberta'

Ode to Beauty

Discovering the World of Fine Art Nude Photography

白川君の独り言β

no sweat no victory

URBN Social

The Social Experience

RENOVADAS

Autoestima para mais de 50

Olivia2010kroth's Blog

Viva la Revolución Bolivariana

%d blogueiros gostam disto: