ALIMENTO DIÁRIO

GOTAS DE CONSOLO PARA A ALMA

DIA 22 DE MARÇO

DISCUSSÃO SEM PODER

Então, ele interpelou os escribas: Que é que discutíeis com eles? (Marcos 9.16).

O texto de Lucas 9.28-36 mostra que os nove discípulos que ficaram no sopé do monte da Transfiguração também não oraram; antes, travaram uma infrutífera discussão com os escribas (Mc 9.16). Nesse ínterim, o pai aflito de um filho endemoninhado roga aos discípulos de Jesus que socorram seu filho, mas os discípulos não puderam ajudá-lo. Estavam desprovidos de poder. Sua espiritualidade era a espiritualidade da discussão sem poder. Em vez de orarem e jejuarem, eles discutiram. Em vez de fazerem a obra de Deus, discutiram acerca da obra. Em vez de se manterem fiéis à sua vocação, perderam o foco do ministério numa vã discussão com os opositores de Jesus. Enquanto aqueles discípulos discutiam, o diabo agia. Como não oraram nem jejuaram, estavam vazios de poder e, como estavam vazios de poder, não puderam expelir a casta de demônios que atormentava o filho único daquele pai aflito. Ainda hoje, corremos o risco de perder o foco da nossa espiritualidade. Muitas vezes deixamos de orar e de trabalhar porque estamos envolvidos em discussões intérminas e infrutíferas. Discutimos muito e trabalhamos pouco. Fazemos muito barulho com as nossas palavras, mas produzimos pouco com as nossas mãos. Se o êxtase sem discernimento é uma espiritualidade fora de foco, de igual modo é a discussão sem poder.

Autor: Vocacionados

Sou evangélico, casado, presbítero, professor, palestrante, tenho 4 filhos sendo 02 homens (Rafael e Rodrigo) e 2 mulheres (Jéssica e Emanuelle), sou um profundo estudioso das escrituras e de tudo o que se relacione ao Criador.