ALIMENTO DIÁRIO

SEGREDOS DO LUGAR SECRETO

Alimento diário - livro

CAPÍTULO 40 – O SEGREDO DE CONTEMPLAR JESUS

 

Algumas pessoas leem a Bíblia para ganhar percepção ou para aprender verdades e princípios. Entretanto, se você ler a Bíblia somente com o intelecto, seu coração pode não ser tocado pela Palavra. Há bem mais a ser ganho nas Escrituras além da verdade sobre Deus. Você pode ganhar o próprio Deus! As verdadeiras riquezas devem ser encontradas ao contemplarmos e conhecermos o Senhor Jesus Cristo.

Os fariseus cometeram um erro fatal quanto à maneira de abordarem as Escrituras. Eles dissecavam as Escrituras cognitivamente, mas não buscavam com o coração o que havia por trás das verdades reveladas. Por isso, conheceram apenas o Livro, mas não o Autor.

Foi exatamente isso que Jesus afirmou, quando lhes disse: “Vocês estudam cuidadosamente as Escrituras, porque pensam que nelas vocês têm a vida eterna. E são as Escrituras que testemunham a meu respeito; contudo, vocês não querem vir a mim para terem vida” (João 5.39-40). Tudo nas Escrituras estava gritando para os fariseus: “Enxerguem Jesus à medida que lerem, enxerguem Jesus!”.

Mas eles não perceberam essa verdade.

As Escrituras sempre tiveram como objetivo direcionar nossos corações a uma Pessoa. Paulo disse que “o objetivo desta instrução é o amor” (1Timóteo 1.5). Isso significa que a intenção do Antigo Testamento era inflamar os corações do povo de Deus para a beleza de seu rosto, entretanto, eles estavam obcecados com dogmas e crenças e deixaram de ter o relacionamento vivo que Deus ansiava ter com eles.

As palavras de Jesus para os fariseus revelou uma possibilidade assustadora: podemos ler a Bíblia avidamente e nunca conseguir conhecer o Senhor. Mesmo que Jesus seja apontado em quase todas as páginas, é possível ler as palavras e nunca desenvolver um relacionamento fervoroso com Ele. Jesus estava dizendo que não devemos ler as Escrituras para ganhar conhecimento sobre um Livro; devemos lê-las para ganhar conhecimento sobre uma Pessoa. A Palavra Viva deseja nos encontrar na Palavra Escrita, se a lermos, mas venha até Ele através da leitura.

Eis o segredo: sua leitura da Palavra pode ser um encontro dinâmico e vivo com a pessoa do Senhor Jesus Cristo! Não venha até a Palavra de qualquer maneira só para ler a cota de capítulos do dia. Não leia apenas para dominar os princípios espirituais ou para obter percepções mais inteligentes. Venha para contemplar a majestade e o mistério do Amado, Àquele que ganhou seu coração!

Ele espera atrás do véu, observando para recompensar aqueles que o desejam como se fosse fonte de água viva. Venha com um clamor em seu coração para vê-lo e conhecê-lo. Com um pequeno sopro de seu Espírito em uma única palavra das Escrituras, Ele pode fazer seu coração acelerar com uma nova revelação de seu poder e glória.

Quando Jesus juntou-se aos dois discípulos no caminho de Emaús, após sua ressurreição, começou a lhes explicar que Ele era o tema central das Escrituras. Imagine a glória deste encontro – Jesus revelando Jesus para o espírito humano a partir da Palavra escrita! Era previsível que aqueles discípulos posteriormente se lembrassem: “Não estava queimando o nosso coração, enquanto ele nos falava no caminho e nos expunha as Escrituras?” (Lucas 24.32). É a revelação das Escrituras em relação a Cristo para a alma sedenta, através do poder do Espírito Santo, que gera o coração fervoroso. Esta é a grande busca do lugar secreto!

Jesus repreendeu os saduceus com esta acusação: “Vocês estão enganados porque não conhecem as Escrituras nem o poder de Deus!” (Mateus 22.29). Isso sugere três tristes possibilidades:

*** Podemos conhecer as Escrituras, mas não o poder de Deus.

*** Podemos conhecer o poder de Deus, mas não as Escrituras.

*** Podemos não conhecer as Escrituras nem o poder de Deus.

Meu coração clama: “Desejo conhecê-lo, Senhor! Desejo contemplá-lo em suas Escrituras. Desejo conhecê-lo bem como a plenitude de seu poder! Manifeste-se para mim através de sua Palavra, ó meu Senhor!”. É por causa deste clamor do coração que corro para o lugar secreto. Eu anseio tanto por Deus que estou doente de amor com desejos frustrados. “Oh, quando você virá a mim?”

Minha experiência provou que não consigo conhecer Jesus melhor através da oração. A oração é onde expresso meu amor de acordo com o que conheço dele. A oração é o amor trocado. Mas se eu quiser conhecê-lo melhor, devo me aproximar de sua Palavra e contemplá-lo nela. Conhecer mais de Cristo requer revelação, e a revelação geralmente requer meditação na Palavra. “E todos nós, que com a face descoberta contemplamos a glória do Senhor, segundo a sua imagem estamos sendo transformados com glória cada vez maior, a qual vem do Senhor, que é o Espírito” (2 Coríntios 3.18).

Oh, como desejamos contemplá-lo! Considero com certa ponta de inveja os seres viventes que não deixam de olhar para frente, não importando para onde se dirigem (Ezequiel 1.12-17). Independentemente de irem para cima ou para baixo, para a esquerda ou para a direita, para frente ou para trás, suas faces estão constantemente olhando para frente – para o trono! Eles têm o glorioso privilégio de contemplar continuamente a beleza do Rei.

Senhor, essa é a forma como também desejo viver minha vida. Não importa aonde eu vá e o quer que eu faça, ajude para que minha face possa estar concentrada no trono e contemplar a irradiação de meu amado Senhor!

Quanto mais eu vejo Jesus em sua Palavra, mais percebo que Ele não é nada parecido comigo. Mas quando eu o vejo em sua unicidade, encontro o principal motivo que me faz aproximar com mais paixão de seu coração. Descobri que sou naturalmente atraído ao que é diferente de mim (como diz o ditado, os opostos se atraem).

Jesus é formidável em sua beleza singular e majestade incomparável. E, oh, que privilégio eu tenho – vir ao lugar secreto e contemplá-lo nas Escrituras, eternamente fascinado com a aventura de crescer no conhecimento daquele que morreu por mim!

Anúncios

Autor: Vocacionados

Sou evangélico, casado, presbítero, professor, palestrante, tenho 4 filhos sendo 02 homens (Rafael e Rodrigo) e 2 mulheres (Jéssica e Emanuelle), sou um profundo estudioso das escrituras e de tudo o que se relacione ao Criador.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s