GESTÃO E CARREIRA

CONSUMO ENGAJADO

Listamos nove apps e um site para ajudar quem deseja consumir melhor e fazer compras mais sustentáveis do ponto de vista social e ambiental.

Consumo engajado

Você entra no supermercado, escolhe os produtos que precisa, mas, antes de colocá­los no carrinho, enquadra o código de barras na câmera de seu celular e, ali mesmo, descobre, por meio de um aplicativo que rastreia as práticas das indústrias, se está levando para casa um item sustentável, cuja produção esteja alinhada com seus valores.

Exemplos de tecnologias como essa pipocam no Brasil e no mundo em resposta ao aumento do interesse das pessoas em fazer compras mais responsáveis. De uns anos para cá, adquirir alimentos de origem certificada, usar produtos livres de testes em animais, comprar de empresas sem histórico de trabalho escravo e priorizar a locação em vez da aquisição tornaram-se atitudes comuns. Prova disso é que o Indicador de Consumo Consciente (ICC), que mede o equilíbrio entre a satisfação pessoal e o nível de práticas ambientais, financeiras e de engajamento social dos brasileiros, subiu de patamar nos últimos quatro anos. Segundo dados da pesquisa anual realizada pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL), o ICC saltou 4 pontos percentuais de 2015 a 2018, saindo de 69% para 73%.

Embora o desempenho esteja aquém do desejado – o estudo só considera que haja consumo consciente no país quando esse índice fica acima de 80% -, os brasileiros avançam nessa questão. Hoje, de acordo com o SPC Brasil, 98% das pessoas reconhecem a importância da adoção de práticas sustentáveis na hora de comprar e 55% se encaixam no grupo de transição, gente que já começou a inserir mudanças positivas na forma de consumir, mas cujas atitudes, em geral, ainda estão abaixo do esperado.

Um estudo do Instituto Akatu, organização sem fins lucrativos que trabalha pela conscientização e mobilização da sociedade em prol do consumo consciente, publicado em julho, mostrou que a principal barreira para quem deseja ser um consumidor melhor é a necessidade de fazer um esforço, ou seja, mudar de hábitos (60%). “Muitos protelam essa atitude por achar que não faria diferença no coletivo”, diz José Vignoli, educador financeiro do SPC. Outro entrave (apontado por 38% das pessoas) é o fato de os produtos sustentáveis serem mais caros (artigos orgânicos, por exemplo, custam, em média, 30% mais do que os convencionais). Nesse cenário, a tecnologia ganha relevância. “A revolução trazida pela internet das coisas e pela inteligência artificial viabiliza engajar o consumidor por meio das embalagens e formar uma nova cultura de consumo. Grandes varejistas e atacadistas também estão se mobilizando nesse sentido. Acreditamos que esteja em curso uma economia na qual os impactos sociais, ambientais e econômicos farão diferença na decisão de compra”, diz Marcel Fukayama, cofundador e diretor executivo do Sistema B Brasil, movimento empresarial que milita por um comércio mais inclusivo e sustentável. Conheça, a seguir, dez ferramentas que podem ajudá-lo a se inserir nesse movimento.

Consumo engajado..2

1 – OLHO CIDADÃO

Com 271 empresas e 11.054 marcas brasileiras em sua base de dados, esse aplicativo desenvolvido em 2017 pelo Instituto Totum, que atua no mercado de auditorias independentes, selos e programas de auto-regulamentação, permite ao consumidor checar no momento da compra a idoneidade dos fabricantes. Basta posicionar o código de barras do produto na câmera do celular para ter acesso à “ficha” da empresa ou grupo que produz o item e saber, por exemplo, se há envolvimento em casos de corrupção, fraude ou desrespeito ao meio ambiente. A plataforma é alimentada com informações enviadas pelos próprios usuários.

GRÁTIS – ANDROID E iOS

institutototum.com.br

 

2 – GOOD ON YOU

Focado em moda ética e sustentável, esse App fornece informações e classifica cerca de 2.000 marcas, principalmente as de abrangência internacional, como Nike, Zara e Abercrombie. Lançado em 2015 na Austrália, permite ao usuário saber, entre outras coisas, o posicionamento da fabricante do artigo desejado sobre diferentes questões, tais como emissão de poluentes e uso de peles e couro. Também classifica marcas e empresas de um a cinco estrelas e traz notícias sobre temas relacionados e ofertas de marcas responsáveis. O App é em inglês, mas os fundadores cogitam fazer versões em outros idiomas.

GRÁTIS – ANDROID E iOS

goodonyou.eco

 

3 – MODA LIVRE

Desenvolvida pela ONG repórter Brasil para combater o trabalho escravo na indústria da moda, essa plataforma avalia o envolvimento das marcas de roupas e o compromisso das lojas em relação ao tema. Para isso, faz investigações próprias e auditoria de um questionário aplicado às empresas. Com base nas respostas, classifica-as com as cores verde, amarelo e vermelho, considerando as práticas de cada uma e os flagrantes do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE). Com 170.00 downloads, tem atualização anual. Até o fechamento desta matéria, eram 119 grifes e varejistas avaliados, como C&A e Hope.

GRÁTIS – ANDROID E iOS

reporterbrasil.org.br

 

4 – DESQUEBRE

A iniciativa nasceu em 2015 de uma ideia de dois amigos de São Paulo que estavam incomodados com a redução da vida útil de eletrodomésticos, descartados cada vez mais cedo. Ao entrar no App, o consumidor informa sobre o equipamento e os “sintomas” apresentados. Na sequência, recebe orientações específicas. Caso seja necessário a presença de um técnico, o dispositivo aciona um profissional cadastrado que atue na região do cliente e, em até 15 minutos, é feito contato para agendar a visita. Com 16.000 downloads, o App funciona na Grande São Paulo, em Jundiaí e em Caxias do Sul (RS), atendendo cerca de 300 chamados por mês. Em 2019, deve chegar a outras regiões.

GRÁTIS – ANDROID e iOS

desquebre.com.br

 

5 – MOLÉCOOLA

A Startup homônima que trabalha com logística reversa de recicláveis lançou o App em julho para estimular a separação do lixo e bonificar adeptos à causa. Depois de baixa-lo, o consumidor preenche um cadastro e recebe a informação sobre os pontos de coleta nos arredores. Ao levar os recicláveis – garrafa pet, lata de refrigerante, caixa de leite -, o consumidor é bonificado com pontos que podem ser trocados por produtos como copo de silicone, lápis de cor, recarga de celular e créditos em Apps de transporte, ou então, pode doar os pontos às instituições apoiadas. Funciona na capital paulista.

GRÁTIS – ANDROID E iOS

molecoola.eco

 

6 – ETIQUETAGEM VEICULAR

Neste App desenvolvido pela Petrobras, em parceria com o programa da racionalização do uso dos derivados do petróleo e do gás natural (CONPET), é possível (antes de trocar de carro) consultar o consumo de combustível de diferentes veículos e marcas que aderiram ao programa brasileiro de etiquetagem veicular do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (INMETRO). Há informações de automóveis de 35 marcas e de 1.249 modelos. Outro destaque da ferramenta é a estimativa de gastos mensal e anual com base em dados inseridos pelo usuário.

GRÁTIS – ANDROID E iOS

conpet.gov.br

 

7 – ROTA DA RECICLAGEM

Visa reduzir a geração de lixo no país e estimular a reciclagem. Para isso, indica pontos de coleta no Brasil todo para reciclagem de itens longa vida, como caixas de leite e de suco. Idealizado pela Tetra Pak, multinacional sueca de embalagens, o aplicativo possibilita digitar o endereço onde mora e mostra os locais próximos, divididos em três categorias: cooperativas; pontos de entrega voluntária (PEVs), como Supermercados; e comércios que compram embalagens para beneficiamento e envio aos recicladores. São 5.000 endereços cadastrados.

GRÁTIS – ANDROID e iOS

rotadareciclagem.com.br

 

8 – BUYCOTT

Com escâner do código de barras pelo celular, o App mostra aos usuários a filosofia e as práticas das empresas, oferecendo informações sobre o posicionamento em relação a diversas causas, como feminismo, trabalho escravo e proteção ao meio ambiente. Permite ao consumidor escolher qual produto levar para casa. O usuário também pode aderir às campanhas da ferramenta, como de combate aos testes em animais e de igualdade salarial entre gêneros, para indicar apoio ou oposição à vários assuntos e tópicos. Em sua base de dados, global, há cerca de 20 milões de tags de códigos de barras. Em inglês.

GRÁTIS – ANDROID E iOS

buycott.com

 

9 – CRUELTY-FREE

Criado pela organização australiana Choose Cruelty, o App fornece informações em inglês sobre empresas de cosméticos e produtos de higiene pessoal e limpeza doméstica que não fazem testes em animais. Basta escanear o código de barras – embora esteja em inglês, funciona no mundo todo. Permite pesquisar por categoria, como xampus ou hidratantes. Tudo é organizado em ordem alfabética, o que facilita a navegação. Oferece, ainda, uma lista vegana para os interessados em comprar apenas itens desse tipo.

GRÁTIS – ANDROID E iOS

choosecrueltyfree.org.au

 

10 – BOBAGS

Lançado em 2015, o site responsivo para mobile é focado no consumo inteligente de bolsas e acessórios, como cintos e lenços. A ideia é que, em vez de comprar itens novos, os consumidores os aluguem por alguns dias. Quem tem esses itens parados pode coloca-los para locação. Entre acervo próprio e de terceiros, há 550 itens à disposição, com marcas que vão de Chanel, Louis Vuitton e Gucci a outras que são novidades por aqui, mas são famosas fora, como Cult Gaia e Modjewel. Ao entrar na plataforma, o cliente escolhe a peça, define por quantos dias quer usá-la, faz o pagamento por cartão de crédito e recebe o item em até três dias.

Atende em todo o Brasil.

bobags.com.br

Consumo engajado.. 4

 

Consumo engajado.. 3

Anúncios

Autor: Vocacionados

Sou evangélico, casado, presbítero, professor, palestrante, tenho 4 filhos sendo 02 homens (Rafael e Rodrigo) e 2 mulheres (Jéssica e Emanuelle), sou um profundo estudioso das escrituras e de tudo o que se relacione ao Criador.