GESTÃO E CARREIRA

DESAFIOS PESSOAIS, DECISÕES COLETIVAS

Conheça histórias de superação que se tornaram negócios de sucesso e aprenda a identificar oportunidades nos problemas cotidianos.

Desafios pessoais, soluções coletivas

Vitória Frozi foi diagnosticada cedo com transtorno do Déficit de Atenção com Hiperatividade (TDAH). Não bastasse o desafio em si, virar personagem do Programa Super Nanny na América Latina reforçou. o bullying na escola. Mas o que parecia um problema acabou tornando-se inspiração. As dificuldades em casa levaram o pai, Gabriel Frozi, a criar a primeira escola bilingue para alunos com transtorno no Brasil. Primeiro, ele descobriu que sua filha fazia parte dos 5% de crianças e adolescentes que sofrem com a questão. Depois, que menos do 20% desses jovens conseguem um tratamento no Brasil, segundo a Associação Brasileira de Psiquiatria. Hoje, a escola ainda treina gratuitamente professores da rede pública, para que saibam como atuar com esses estudantes, tornando-se o único colégio no País a desempenhar a atividade.

Mas não é de agora que dificuldades individuais viram soluções coletivas. Em uma Itália sem   suprimentos, durante a Segunda Guerra Mundial, a fome de Pietro Ferrero fez com que ele transformasse a falta de cacau em uma mistura que rendia mais, e se tomou o sucesso conhecido como Nutella. Isso mostra que cada época e contexto podem trazer à tona grandes empreendedores com soluções inovadoras. As pessoas com deficiência, por exemplo, estão entre os públicos mais fiéis às marcas, o que acaba tornando-se uma oportunidade de novos negócios. Apenas sobre problemas de visão, são cerca de 6,5 milhões de brasileiros em busca de facilidades da rotina.

Há anos, a Associação Brasileira das Empresas de Cartões de Crédito e Serviços (Abecs), que representa os meios eletrônicos de pagamentos no País, investiu pesado nesse público. A empresa lançou este ano o aplicativo Pay Voice, que lê as informações de uma transação pela câmera do celular e traduz em áudio ao dono do aparelho. Além disso, trouxe ao mercado terminais de pagamento com uma película de identificação tátil, que permite à pessoa com deficiência visual reconhecer as teclas.

O MOMENTO DO INSIGHT

A grande dúvida é: quando uma dificuldade rotineira pode se tornar uma oportunidade de negócio? Todas as áreas possuem seus desafios próprios, mas a tecnologia pode ser um meio de encontrar novas saídas. “Com a evolução tecnológica, as áreas que não estão acompanhando essa tendência sofrem mais. Podemos observar o próprio comércio. Hoje compramos mais pelo celular de lojas não físicas do que físicas. Se o dono de loja física parar no problema, ele vai dar várias desculpas e arrumar críticas a este sistema, mas se ele olhar pela ótica da oportunidade, pode ter a sua loja física e online, para expandir limites. A área da educação tradicional sentiu essa mudança, os taxistas perceberam com a chegada do Uber. Enfim, podemos compreender que estamos em um movimento sem volta desta evolução e precisamos acompanhar para permanecer e crescer”, ressalta a CEO founder do instituto Rafaela Generoso de Desenvolvimento Humano, Rafaela Generoso.

Comece observando os principais desafios que você enfrenta. Seja um problema de saúde ou uma questão mais simples, empreender é conseguir olhar para as possíveis soluções que aquilo traz. O primeiro passo é manter a calma. Por mais difícil que pareça, Rafaela explica que olhar com otimismo para a situação pode clarear soluções. “A primeira batalha é a da mente, respire fundo e se concentre para essa primeira vitória. Uma vez que o pensamento estiver a seu favor, passe a olhar para os desafios investigando as suas causas assim poderá iniciar a busca por futuras oportunidades com a solução do problema”, completa.

Pense no consumidor sempre como alguém que precisa do seu produto para resolver um problema dele. Quais desafios vocês têm em comum?

Rafael lembra, por exemplo, que uma de suas antigas empresas tinha grande dificuldade em treinar e manter equipes trabalhando motivadas. Buscando as causas que levaram a isso, ela acabou se especializando no assunto e não apenas resolveu a questão, como viu nascer uma outra oportunidade: uma empresa focada em Treinamentos e Desenvolvimento de Pessoas e Negócios.

Outra maneira de identificar aquela chance de ouro nas dificuldades diárias é uma análise SWOT, que mostra seus pontos fortes e fracos, oportunidades e ameaças que o mercado pode oferecer de acordo com o que você sabe fazer, como esclarece o economista e consultor do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), Sérgio Dias.

Após o uso do método e uma boa avaliação dos resultados e a adaptação à sua realidade serão desafiadoras, mas também, vão agregar as principais ideias do seu novo negócio. Inclua nessas observações o que precisa ser melhorado ou corrigido para fazer dar certo.

 Desafios pessoais, soluções coletivas.2

EURECA! O QUE EU FAÇO COM ISSO?

Você já listou sua dificuldade diária e distribuiu as variáveis na tabela SWOT. O Próximo passo é selecionar o que faz mais sentido dentro de sua análise e elaborar um bom plano de ações para enfrentar o desafio. “As dificuldades fazem com que você busque saídas e isso acaba proporcionando a oportunidade de pensar diferente e inovar. A inovação proporcionará um diferencial competitivo, que será apreciado pelo mercado e poderá mudar o rumo do negócio para melhor, lembra Dias.

O setor de serviços pode trazer insights interessantes que necessitam de baixo investimento e pouca infraestrutura. Um dos exemplos é Douglas de Albuquerque Alvarenga e seu grupo. O corretor de imóveis cursa Publicidade e Propaganda na Faculdade Mundial. Como trabalho de conclusão, precisou desenvolver uma empresa com aplicabilidade real. “A Titan é uma agência de marketing esportivo, onde já tenho experiência pude identificar a exclusão de milhares de garotos do futebol. Fizemos um estudo de campo e descobrimos um nicho de mercado ainda não explorado”, conta.

O projeto é uma ferramenta que faz a ponte direta entre crianças que jogam futebol e os grandes clubes sem passar por empresários e outros processos, visto que a pesquisa detectou falta de transparência por parte de grande parcela dos profissionais do ramo.

Já a área de saúde, principalmente aquelas envolvendo emagrecimento, fitness, estética e rejuvenescimento, também está em alta, assim como finanças e questões relacionadas à evolução tecnológica, como marketing digital.

Mas independentemente do segmento pelo qual decidiu, o ponto focal será sempre o cliente. Entender suas preferências, hábitos, necessidades e alternativas é essencial para apresentar uma proposta que faça sentido. “O mapeamento e conhecimento do perfil do cliente é a fonte para enxergar as oportunidades e elaborar soluções com uma proposta de valor que vai diferenciar seu negócio da concorrência”, ressalta o especialista do Sebrae.

Se você está com um problema de negócios e deseja resolver rapidamente, busque ajuda. “Esta ajuda pode ser de um consultor ou mentor que tem experiência com essa solução. Um mentor encurta caminhos”, lembra Rafaela. Porém, se a ideia é seguir sozinho seu rumo, responder às seguintes perguntas pode ajudar a ter clareza no projeto.

– Eu estou no negócio que vibra minha alma? Eu amo o que faço?  Eu percebo que meu negócio agrega valor na vida de outras pessoas? Por que ele existe? Para que ele existe?

– Qual problema minha empresa resolve? Qual diferença competitiva minha empresa tem dos concorrentes? Quais são os valores, missão e visão da minha empresa?

– O número de pessoas que tenho na minha equipe é dimensionado corretamente? Tenho na minha equipe alguém que pode me ajudar com este problema?

O próximo passo é focar a resolução do problema. Rafaela sugere uma dinâmica em que você primeiro escolhe mentalmente um empreendedor de sucesso, como Steve Jobs. Depois, pergunte-se o que ele faria nessa situação ou como resolveria a questão. É uma maneira lúdica de acessar rapidamente seus recursos internos para trazer uma solução inusitada.

TIRO CERTO

Erros comuns ao abrir um negócio incluem não ter um posicionamento forte, falta de foco em uma solução real e não deixar claro o que a empresa faz. Além disso, é preciso se preparar para fazer o gerenciamento correto das tarefas, além de capacitar com habilidades técnicas necessárias.

Desenvolva equipes com um bom planejamento estratégico e financeiro. Acompanhe o fluxo de caixa e agregue um bom contador ou tributarista. “O desafio estará presente em todas as áreas.  Umas com mais intensidade, outras com menos intensidade. Considero, nessa ordem, que os maiores desafios estarão no setor da indústria, pela necessidade de infraestrutura, equipamentos, tecnologia, e, principalmente planejamento de produção. Em segundo lugar, o comércio, pelas características de dependência do fornecedores e colaboradores, e, por último, a área de serviços, pois requer menor investimento e infraestrutura. Em todos os três setores, o desafio comum é a gestão”, completa Sergio Dias.

Quando o negócio surge de uma demanda pessoal, é preciso ter cuidado ainda para não misturar as emoções. Neste momento, respire fundo. Rafaela sugere olhar para o problema em terceira pessoa, observando por outros ângulos e buscando resolver o desafio. Canalizar a emoção para a racionalidade pode determinar a mudança de atitude.

 Desafios pessoais, soluções coletivas.3

PRIMEIROS PASS0S

  • MANTENHA sua mente no aqui e agora, zerando as frustrações e pensamentos negativos.
  • TENHA consciência da sua competência e capacidade para resolver problemas.
  • BUSQUE ajuda necessária e pense como você pode ajudar pessoas na mesma situação.
  • FAÇA um plano de negócios estruturado.
  • TENHA um capital de giro para começar.
  • TENHA um bom contador.
  • TENHA um bom marketing e, de preferência, digital.
  • FAÇA planejamento estratégico e financeiro.
  • TENHA uma equipe enxuta e treinada.
  • MANTENHA-SE em evolução e sempre estudando junto com os que prosperam.
  • SE PRECISAR de ajuda, peça.
  • TENHA foco e força. Mesmo nas dificuldades, mantenha o ânimo.

Autor: Vocacionados

Sou evangélico, casado, presbítero, professor, palestrante, tenho 4 filhos sendo 02 homens (Rafael e Rodrigo) e 2 mulheres (Jéssica e Emanuelle), sou um profundo estudioso das escrituras e de tudo o que se relacione ao Criador.

Blog O Cristão Pentecostal

"Tão certo como eu vivo, diz o Senhor Deus, não tenho prazer na morte do ímpio, mas em que o ímpio se converta do seu caminho e viva. Convertam-se! Convertam-se dos seus maus caminhos!" Ezequiel 33:11b

Agayana

Tek ve Yek

Envision Eden

When We Improve Ourselves, We Improve The World

4000 Wu Otto

Drink the fuel!

Ms. C. Loves

If music be the food of love, play on✨

troca de óleo automotivo do mané

Venda e prestação de serviço automotivo

darkblack78

Siyah neden gökkuşağında olmak istesin ki gece tamamıyla ona aittken 💫

Babysitting all right

Serviço babysitting todos os dias, também serviços com outras componentes educacionais complementares em diversas disciplinas.

M.A aka Hellion's BookNook

Interviews, reviews, marketing for writers and artists across the globe

Gaveta de notas

Guardando idéias, pensamentos e opiniões...

Isabela Lima Escreve.

Reflexões sobre psicoterapia e sobre a vida!

Roopkathaa

high on stories

La otra luna de Picasso

El arte es la esencia de la espiritualidad humana.

%d blogueiros gostam disto: